Micro e pequenas empresas concentram mais de 90% dos negócios de SC

Ontem, 5 de outubro, foi comemorado o Dia da Micro e Pequena Empresa. Cada vez mais, a FCDL/SC valoriza esta categoria, que é a força da economia catarinense. Do total de empresas do Estado (251.189 mil), 93%, ou 243 mil, são desse porte, segundo dados do Sebrae-SC. Além disso, Santa Catarina tem 216 mil microempreendedores individuais. No universo do movimento lojista, o número não é diferente: dos 41 mil associados às CDLs, 95% são micro e pequenos empresários.

“O catarinense acredita na força do empreendedorismo. Se percebe que há uma demanda de mercado e um ambiente favorável, se lança em busca de seu próprio negócio. Esse espírito realizador é o que faz a diferença na decisão de abrir uma empresa”, afirma o presidente da FCDL/SC, Ivan Tauffer.

O dia da Micro e Pequena Empresa foi criado em 1999 para marcar a sanção do Estatuto da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte (Lei 9.841/99). Com recorte setorial diversificado (agroindústria forte, parque industrial, complexos tecnológicos, moveleiro, têxtil, entre outros), os estabelecimentos na área de comércio e serviços se destacam em Santa Catarina com mais de 132 mil empreendimentos.

Com receita bruta anual de mais de R$ 40 bilhões, estas empresas responderam por 60% do PIB catarinense em 2014 e tem impacto direto na geração de empregos. Mais da metade dos empregos com carteira assinada no Estado estão nos pequenos negócios. “Os incentivos para o setor com a sanção da lei foram muitos. Mas, ainda temos muito fazer pela frente e pedimos que os governos trabalhem para manter o ambiente favorável à criação de novas empresas e, principalmente, para permitir o crescimento e o fortalecimento dessas empresas”, avalia o presidente da Federação.

Para aqueles que pensam em abrir seu próprio negócio, a dica do dirigente lojista é, primeiro, gostar do que faz. Também é imprescindível conhecer o mercado no qual deseja atuar, ter um plano de negócios e capital de giro. “Os primeiros dois anos são fundamentais para ditar se a empresa viverá ou findará. A FCDL/SC e as CDLs estão ao lado desses empresários para o que precisarem, disponibilizando o SPC, o maior banco de dados de análise de crédito da América Latina, as ferramentas para auxiliá-los na gestão da empresa, seus cursos, treinamentos e workshops, além de materiais para campanhas de datas promocionais.”