FCDL Notícias

Quatro passos para decidir a melhor estratégia de crescimento

Empreendedores sabem da importância da resiliência – que simplificando significa ‘não deixar a peteca cair’ e se cair… pegar do chão rapidamente e seguir o jogo! Estar preparado para encarar de frente esses altos e baixos é fundamental, e isso também significa saber aproveitar os momentos de “baixa” para se reinventar, inovar e rever sua estratégia acerca de processos, contratações, produtos, serviços e muito mais.

É comum que empreendedores se sintam angustiados e com tensão diante desses desafios e, quando se está sozinho, costuma ser ainda mais complicado. Surge o medo de não crescer o suficiente e até regredir o crescimento da empresa. E não ache que você é o único nessa situação. Ela é comum à todos os empreendedores, até os mais experientes!

Ao esmiuçar o negócio em busca de oportunidades de crescimento, chega o momento em que o empreendedor precisa tomar decisões estratégicas para que o negócio cresça e atinja ótimos resultados ao longo do ano. Como qualquer ser humano, ele começa a pensar exaustivamente em busca de possíveis resoluções, e já foi comprovado que a forma mais comum de buscar respostas partem de ideias e seguem direto para uma proposta de solução, sem levar em consideração importantes etapas que aumentaram exponencialmente a possibilidade daquela solução performar como o esperado.

Para mudar o mindset do empreendedor existe método, técnica e processo que o conduzem nessa busca por soluções eficazes de maneira mais assertiva, rápida e econômica. Hoje te ensinaremos 4 passos certeiros que a empresa focada em educação transformadora para empreendedores, BOOMIT, criou e validou com diversos empreendedores e recebeu chancela da UNESCO devido ao seu alto impacto.

Confira agora os quatro passos imprescindíveis para que você tenha clareza sobre a melhor estratégia de crescimento para o seu negócio:

1. Hipóteses

Quando algo vai mal, está estagnado ou diante de aparente oportunidade, o empreendedor começa a tentar deduzir o motivo e também como poderia trazer uma solução para solucionar o problema ou aproveitar a oportunidade. Nesse processo começam a surgir ideias, “achismos”, suposições, meias certezas e dúvidas em sua cabeça que podem ser todas denominadas como hipóteses. Este primeiro passo consiste em simplesmente compilar todas em uma única lista.

2. Validação

Com essa lista em mãos, precisamos buscar visão de outras pessoas envolvidas para entender se o “faro” do empreendedor está correto, ou se é preciso algum ajuste no alvo antes de criar a solução. Para isso existe uma técnica que passa pela formulação de um questionário focado no público em questão: clientes, fornecedores, colaboradores, e assim por diante. O questionário deve trazer as respostas para suas hipóteses. Se o que você estava desconfiado for comprovado após a pesquisa, ou seja, a grande maioria dos respondentes concordou com você, considere suas hipóteses validadas!

3. Protótipo

Neste momento você já terá mais clareza para ir adiante rumo à solução ideal. Protótipo é uma palavra que assusta, mas ele nada mais é do que um MVP (mínimo produto viável) ou seja, uma espécie de rascunho da sua solução final. Algo que não demande muito tempo ou dinheiro, mas que te possibilite testar na prática se essa é realmente a melhor solução para o seu problema ou situação.

4. Métricas e solução final

Com o protótipo rodando, você vai conseguir analisar os resultados. Crie métricas para te ajudar nessa avaliação, ou seja, parâmetros e aspectos que devem ser considerados durante o tempo que o protótipo estiver em prática. É neste período que você terá clareza do que funciona e do que não funciona e conseguirá fazer os ajustes necessários de maneira ágil até que chegue numa solução final, com muito mais chances de funcionar numa escala maior.

Fonte: Portal Administradores

FCDL Notícias
  • Conheça 10 atitudes que destacam os melhores vendedores lojistas!

    Continue lendo Clique e leia
  • O que é comportamento empreendedor, segundo três especialistas

    Continue lendo Clique e leia
  • Sete dicas para melhorar a experiência do cliente nos atendimentos com chatbots

    Continue lendo Clique e leia
  • Como usar as redes sociais para vender mais

    Continue lendo Clique e leia
  • Os cinco pilares de um atendimento excepcional ao cliente

    Continue lendo Clique e leia
  • Confiança como ponto chave para o e-commerce

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais