FCDL Notícias

Sebrae dá dicas de bioprevenção para incrementar as vendas de fim de ano

O aumento do número de casos do novo coronavírus (Covid-19) em todo o país trouxe para estabelecimentos comerciais o desafio de atrair clientes sem descuidar das regras sanitárias durante o ciclo natalino, que é considerado o melhor período de vendas para o comércio. Especialistas do Sebrae orientam e dão dicas de como preparar o ambiente e atrair consumidores, impulsionar as vendas e ter bons resultados com os festejos de fim de ano.

Apesar de estar a poucos dias do Natal, ainda dá tempo de se adequar e as primeiras providências têm a ver com a preparação do ambiente. Siga os procedimentos de bioprevenção no layout, como o uso obrigatório de máscaras para vendedores e consumidores, sinalização de distanciamento na fila do caixa e disponibilização de álcool em gel na entrada da loja e limite de pessoas no interior do ambiente para evitar aglomerações. Essas medidas transmitem a sensação de que o consumidor estará seguro e protegido na sua empresa.

É importante diversificar os meios de pagamento. O recém lançado sistema de pagamento Pix pode se tornar um grande aliado de vendas, garantindo a proteção sanitária. Imprima o QR Code do seu estabelecimento para pagamentos com Pix. Assim, o cliente só escaneia o código e evita o contato com o operador de caixa ou mesmo tocar nas máquinas de cartão. As transferências bancárias também são excelentes opções porque são feitas via celular e atendem a um público que não dispõe de cartão ou evita andar com dinheiro em espécie. O consumidor precisa estar informado dessa variedade de opções de formas de pagamento.

Melhor experiência ao cliente

Quando o assunto é atrair clientela, uma estratégia é fazer o chamado remarketing, que é a venda para clientes já cadastrados e fidelizados pela loja. É possível contatá-los, apresentando produtos relevantes de acordo com o gosto e perfil desse cliente e capazes de atraí-lo. É importante mantê-los informados por SMS, aplicativos de mensagens, e-mails e até ligação telefônica sobre coleções, ofertas, promoções e principalmente que seu espaço é um ambiente seguro para a experiência de compra.

O presidente da Associação dos Empresários do Bairro do Alecrim (Aeba), Matheus Feitosa, afirma que os lojistas associados estão orientados sobre a bioprevenção e cumprindo as medidas necessárias para garantir tranquilidade e segurança aos clientes que estão indo às compras de final de ano. O alecrim é o maior e mais antigo centro de comércio popular de Natal e é conhecido por ter a maior variedade de produtos e serviços da capital, onde se encontra de tudo com preços bastante competitivos. “Nosso objetivo é oferecer a melhor experiência aos clientes em compras”, promete Matheus.

As redes sociais também são excelentes meios para divulgar produtos e conquistar novos clientes. Faça uso do Facebook e Instagram para apresentar mercadorias diferenciadas ou com um preço promocional. O Sebrae no Rio Grande do Norte dispõe de soluções digitais gratuitas para quem precisa se preparar e alavancar os resultados no mercado usando o Instagram. Basta acessar a página https://www.rn.sebrae.com.br/mercado/ e verificar conteúdos, dicas, tendências e consultorias exclusivas para auxiliar no crescimento, divulgação e competitividade da empresa.

Outra dica é conferir a página sobre o programa de Bioprevenção, que apresenta várias dicas e orientações sanitárias específicas para cada setor de atuação. No endereço https://www.rn.sebrae.com.br/bioprevencao/ é possível encontrar uma trilha de saúde coletiva para diversos segmentos em formato virtual e gratuita. Os conteúdos são abordados em palestras, vídeoaulas e cartilhas – tudo disponível na página.

 

Fonte: Agência Sebrae de Notícias

FCDL Notícias
  • Consumidores estão mais abertos ao consumo de marcas locais

    Continue lendo Clique e leia
  • Como as PMEs estão transformando o sistema bancário

    Continue lendo Clique e leia
  • Saiba realizar promoções de forma mais rápida e sem erros

    Continue lendo Clique e leia
  • Falta de produtos na gôndola e no estoque são principais causas de perdas de vendas no varejo

    Continue lendo Clique e leia
  • Black Friday: 5 formas de usar o pós-venda para fidelizar o consumidor

    Continue lendo Clique e leia
  • Lojas Renner celebra nova coleção com campanha produzida pela Suno Paim

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais