FCDL Notícias

Tecnologia e união entre setores são mote para varejo retomar crescimento

A tecnologia tem papel fundamental na retomada do crescimento do setor varejista brasileiro, que sofreu recuo de 6% nas vendas em 2016 em função da instabilidade política e econômica que assola o país, conforme dados do IBGE. Neste cenário, soluções que automatizem processos, agilizem rotinas e otimizem recursos, resultando em redução de custos melhoria da experiência de compra, são o alicerce para a melhoria dos resultados.

O presidente do SEPRORGS, plataforma de representação e negócios das empresas de Informática do Rio Grande do Sul, Diogo Rossato, salienta que aproximar tecnologia e varejo é o passo mais certeiro tanto para alavancar a expansão do setor, quanto para manter as empresas do segmento saudáveis perante eventuais futuras crises.

“O varejista, como todo empresário brasileiro, é um guerreiro. O setor é um dos principais responsáveis pela geração de emprego e renda no país, mas perece com a recessão, as incertezas políticas, as contenções de investimentos por parte dos consumidores. A tecnologia pode ajudar muito na condução dos negócios e deve ser uma ferramenta de apoio a este segmento”, comenta Rossato. O presidente esteve presente à abertura da Feira Brasileira do Varejo (FBV), que ocorre em Porto Alegre. O SEPRORGS é apoiador do evento e conta com estande no local, onde exibe soluções de seus associados.

Para o presidente da FBV, Ronaldo Sielichow, a aproximação com as entidades e empresas de Tecnologia é importante, pois a feira “traz as melhores tecnologias para o varejo, e no evento não se fala em crise, mas em coisas boas para quem gera emprego, renda e faz a economia girar”. Já o presidente do SINDILOJAS Porto Alegre, Paulo Kruze, ressaltou que cabe a empreendimentos como o varejo e o evento dar destaque ao lado bom do brasileiro. “O Brasil tem um lado negativo, mas nós optamos pelo lado positivo, pelo lado de quem quer fazer”, acrescentou Kruse.

Presente à abertura da FBV, o prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan Jr., foi contundente ao pedir que os empresários não se afastem da política e colaborem para a melhoria das decisões e processos por meio das críticas e cobranças construtivas. “Apoiem as reformas necessárias, apoiem quem tem coragem de fazer o que tem de ser feito”, salientou Marchezan.

O governador do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, também prestigiou o evento, sendo o primeiro governador do estado a estar presente, em cinco edições da FBV. Em seu discurso, Sartori evidenciou que quem quiser mudar o quadro econômico, político e social atual, terá de suportar medidas, por vezes, amargas, e galgar passos contínuos.

“Quem tentar mudar tudo de uma vez só não vai mudar nada. É uma caminhada. Nossa presença neste evento valoriza o trabalho de todos os que representam a perseverança, que querem o desenvolvimento do estado e do país”, destacou o governador.

Para Diogo Rossato, levar as soluções de associados do SEPRORGS a FBV é uma maneira de encurtar o caminho entre comprador e fornecedor, fomentando negócios para aquecer a economia. “É nosso papel oportunizar o crescimento das empresas de TI, criar pontes de vendas, estreitar laços entre fornecedores e consumidores. Temos muitas iniciativas neste sentido, mas estar presentes a eventos de outros segmentos, como o varejo, é uma das mais significativas, já que traz potencial real e imediato de apresentar produtos e serviços, gerar networking e vitrine, e despertar interesse pelas soluções expostas”, finaliza Rossato.

 

Fonte: Portal Varejista

FCDL Notícias
  • Conheça 10 atitudes que destacam os melhores vendedores lojistas!

    Continue lendo Clique e leia
  • O que é comportamento empreendedor, segundo três especialistas

    Continue lendo Clique e leia
  • Sete dicas para melhorar a experiência do cliente nos atendimentos com chatbots

    Continue lendo Clique e leia
  • Como usar as redes sociais para vender mais

    Continue lendo Clique e leia
  • Os cinco pilares de um atendimento excepcional ao cliente

    Continue lendo Clique e leia
  • Confiança como ponto chave para o e-commerce

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais