FCDL Notícias

TikTok contribuindo para os negócios?

A nova onda do mundo digital, durante essa pandemia, sem dúvida tem sido o TikTok, com mais de 7 milhões de usuários em todo o Brasil. Afinal, durante o isolamento, as pessoas estão tendo mais tempo para criar conteúdos divertidos e curtos, interagir com os vídeos e ainda viralizá-los nas redes.

Toda essa movimentação tem começado a atrair a atenção das empresas, mas o consultor Matheus Jacob, autor de alguns livros e fundador da Conte, especializada no treinamento de empresas e em habilidades de comunicação e liderança, alerta que é preciso entender como a rede social funciona antes de explorar todos as suas vantagens nos negócios.

“No começo, as empresas achavam que o Instagram não era para elas, mas perceberam que era um canal importante de comunicação com os clientes, e que toda a rede social vale para as empresas, se elas souberem o que e como divulgar”, explica Jacob, lembrando que hoje o Instagram se tornou um marketplace, onde os clientes podem acessar e comprar, e que o mesmo pode acontecer com o TikTok, mesmo que o seu público seja majoritariamente jovem neste momento.

Para começar, ele recomenda que as empresas criem os seus perfis e conteúdos nessa rede. “Você pode estar presente na rede social mesmo que o cliente não esteja ali porque o posicionamento de marca vai muito além disso. O TikTok pode ajudar a ganhar uma fatia do mercado, antes que o concorrente ocupe esse espaço, e pode servir para fortalecer um projeto de marca empregadora ou até criar conteúdos novos e depois usufruir de tudo disso”, sugere.

Além dessa ideia, o consultor destaca outras três dicas para marcar presença no TikTok:

– Não confunda informalidade com entretenimento. Os vídeos podem – e devem – ser divertidos, ter um caráter mais humano e menos profissional, mas não deixe de lado os valores, os princípios e a ética da marca.

– Ofereça conteúdos adequados para a plataforma. Fuja da fórmula da propaganda, use a criatividade e adapte-se aos formatos do TikTok: com vídeos curtos e divertidos, conectados à marca.

– Cuidado para não colocar comunicadores que não são adequados para o TikTok. Talvez o presidente da empresa ou um dos executivos não sejam as melhores pessoas para estar ali como representantes da marca.

 

Fonte: Super Varejo

FCDL Notícias
  • Varejo agora é high-tech

    Continue lendo Clique e leia
  • Jornada de compra: pesquisa mostra grau de preparo dos lojistas com cada etapa

    Continue lendo Clique e leia
  • Lojas Biônicas se tornam realidade

    Continue lendo Clique e leia
  • Vídeos geram 30% mais vendas do que fotos nas redes sociais, revela estudo

    Continue lendo Clique e leia
  • Consumidores estão mais abertos ao consumo de marcas locais

    Continue lendo Clique e leia
  • Como as PMEs estão transformando o sistema bancário

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais