Semana Lojista

Vendas de fim de ano foram positivas no comércio chapecoense

Foto 05 – As vendas de fim de ano no comércio chapecoense foram positivas. (Foto Banco de Imagens). 

As vendas de fim de ano no comércio chapecoense foram positivas. A informação é da Câmara de Dirigentes Lojistas de Chapecó (CDL) que aponta entre os setores em destaque o de alimentos e bebidas, vestuário, calçados, brinquedos e perfumes.

A pesquisa de vendas realizada pela Fecomércio demonstra que o ticket médio dos estabelecimentos foi de R$ 485,37, queda de 8,4% diante do ano passado, porém o maior entre as datas comemorativas de 2022 e o segundo maior em termos nominais no Natal dos últimos anos. Os dados foram levantados entre os dias 26 de dezembro de 2022 e 5 de janeiro de 2023, nas cidades de Blumenau, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Joinville, Lages e Itajaí.

Ainda, de acordo com pesquisa, a avaliação do consumidor no Natal 2022 confirmou que a taxa de efetivação de compras foi de 90,6%, o gasto médio foi de R$ 501,52 e o percentual de consumidores em melhor situação financeira cresceram em relação ao ano anterior. Quanto ao orçamento para a data, 58,7% o público respondeu que ficou dentro do planejado. O gasto médio de R$ 808,00 foi maior para quem extrapolou.

O presidente da CDL Chapecó, Edson Demétrio Piana, destaca que o Natal é a data mais importante para o comércio e, por isso, apesar de viver em um momento de incertezas econômicas, o consumidor não deixou de ir às compras, mesmo que com cautela. “Presentear no Natal é uma forma das pessoas expressarem solidariedade, gratidão e carinho aos familiares e amigos. Com isso, a data é muito valorizada pelas pessoas e altamente representativa para o comércio, que costuma ter o melhor período de vendas do ano. Embora o fim de 2022 tenha sido um período de precaução, Chapecó vive um bom momento com relação à geração de emprego e isso foi importante para que o comércio obtivesse um bom resultado”.

De acordo com o diretor executivo, Jeancarlo Zuanazzi, a Campanha Natal Premiado representou um atrativo para geração de vendas, pois beneficiou os consumidores com a oportunidade de concorrerem aos vale-prêmios. A cada 200 reais em compras nas lojas associadas à CDL, o cliente ganhou uma unidade raspável que oportunizou concorrer a vale-compras, de acordo com o regulamento aprovado pela Secretaria de Acompanhamento Econômico (SEAE) do Ministério da Economia.

Zuanazzi realça que ao todo foram 400 vale-prêmios de R$ 500,00, totalizando uma campanha de R$ 200.000,00, além do investimento em mídia e comunicação. “Aproveitamos para reforçar aos que eventualmente ainda não trocaram seu vale para que façam isso o quanto antes, pois a validade da raspadinha é até 180 dias do término da promoção, de acordo com o art.6º do Decreto nº 70.951/72”.

MAIS DA Edição – 1042
  • Nova liderança assume CDL Itapema para gestão 2023/2024

    Continue lendo Clique e leia
  • CDL Fraiburgo entrega prêmios da campanha de Natal

    Continue lendo Clique e leia
  • CDL Rio do Sul elege nova gestão para 2023-2024

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais