Notícias

Chapecoenses devem investir R$163 no presente do Dia das Crianças

Brinquedos aparecem entre as preferências para o presente

A quarta-feira promete ser de muita brincadeira e diversão. Isso por que o dia marca o Dia das Crianças, comemorado tradicionalmente no dia 12 de outubro, uma data importante no calendário brasileiro. Para o comércio não é diferente, o período gera um aquecimento nas vendas em decorrência da relevância da comemoração. Os números demonstram isso: a capital do oeste terá crescimento no gasto médio com a compra de presentes para a data, chegando a R$ 163,11. O valor é superior ao registrado nos anos anteriores – R$ 149,00 em 2015 e R$ 131,83 em 2014.

Os dados são da pesquisa de intenção de compra desenvolvida pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina (FCDL/SC) e da Federação do Comércio de Santa Catarina (Fecomércio/SC). Mesmo com o crescimento contínuo, Chapecó ficou atrás da média estadual que será de R$ 177,70.

O resultado mostra, ainda, que a situação financeira de 63% dos entrevistados é igual ou melhor para este ano. O pagamento à vista aparece na frente com 76,6% da preferência dos consumidores chapecoenses. O preço será o principal critério na escolha do presente para 39% das pessoas que participaram da pesquisa. Em contrapartida, cerca de 64,3% não pesquisarão nem compararão os valores antes da compra.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Chapecó (CDL), José Carlos Benini, destaca que o resultado da pesquisa serve de motivação para o setor varejista do município. “Os indícios de retomada da economia começam a ser sentidos gradativamente, isso é confirmado com os dados da pesquisa. A tendência é que o comércio de Chapecó comece a perceber a melhora ainda com as vendas do Dia das Crianças”, comemora.
“O resultado reflete as mudanças no comportamento do consumidor após a troca do Governo Federal e os ajustes na economia”, complementa o presidente da FCDL/SC Ivan Tauffer.

Conforme o presidente da Fecomércio/SC, Bruno Breithaupt, os números do último mês já sinalizam para a retomada do ânimo no varejo e na indústria. “Santa Catarina foi um dos últimos estados a sentir os efeitos da recessão, então a recomposição deve ser lenta, a partir do primeiro semestre de 2017, mas consistente. Os indicadores de confiança do empresário já mostram os primeiros sinais positivos”, avalia.

PERFIL DO CONSUMIDOR
Os brinquedos serão a preferência neste Dia das Crianças (51,9%), na sequência aparecem os itens de vestuário (31,5%) e os calçados (4,9%). A pesquisa também demonstrou que 73,5% da população do Estado optarão por efetuar a compra no comércio de rua, enquanto 17,2% escolherão o shopping.
Sobre a presença das crianças no momento da compra, 74,4% disseram preferir não levá-las, enquanto apenas 23,8% responderam afirmativamente. Quando questionados se a criança escolherá seu presente, 64% dos entrevistados responderam que isto não ocorrerá.

Além do comércio tradicional, a data também movimenta o setor de serviços por ser feriado nacional. No estado 25,3% dos entrevistados planejam almoçar ou jantar na casa de parentes, seguidos pelos 14,7% que realizarão atividades ao ar livre e pelos 8,8% que levarão seus filhos a um parque de diversões. No entanto, 31,6% afirmaram que não pretendem realizar programa especial.

A amostra da pesquisa foi realizada com consumidores em Blumenau, Chapecó, Criciúma, Florianópolis, Joinville, Lages e Itajaí.

Notícias
  • FCDL/SC cumpre agenda na Alesc nesta quarta-feira, 20

    Continue lendo Clique e leia
  • Outubro Rosa: FCDL/SC conscientiza para o autocuidado

    Continue lendo Clique e leia
  • FCDL/SC busca esclarecimento sobre ITCMD com a Fazenda

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais
Blog
  • FCDL/SC lança campanha de incentivo à circulação de moedas

    Continue lendo Clique e leia
  • 7 Dicas para atrair clientes na Semana do Brasil

    Continue lendo Clique e leia
  • FCDL/SC lança campanha para a Semana do Brasil 2021

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais