Notícias

FCDL/SC incentiva CDLs a implantarem o Vizinho Solidário

FCDL/SC incentiva CDLs a implantarem o Vizinho Solidário

Diante do sucesso do programa Vizinho Solidário em Cocal do Sul, a FCDL/SC incentiva outras CDLs a adotá-lo em seus respectivos municípios. “Vamos fazer um trabalho de divulgação em nossas redes, mostrando este case de sucesso”, afirma o presidente da Federação, Ivan Tauffer, se referindo ao projeto desenvolvido pela CDL Cocal do Sul em parceira com a Polícia Militar e Conselho Comunitário de Segurança (Conseg). A ideia consiste em uma unidade entre vizinhos, monitorando as casas que estiverem sem moradores por determinado período. Além de auxiliar na segurança, ajuda os vizinhos a se conhecerem e manterem uma relação de amizade. Esse modelo pode ser estendido ao comércio, bancos, entre outros, integrando, por meio da CDL, toda a comunidade. A missão do programa é a de realizar a integração entre moradores de uma mesma rua (bairro) para garantir a segurança e a tranquilidade de todos, e também de prestar os primeiros atendimentos em resposta imediata a qualquer evento crítico, antecipando a ação dos órgãos de segurança ou de emergência. Após a implantação da iniciativa no município de Cocal do Sul, as ocorrências policiais envolvendo furto, roubo e arrombamento, por exemplo, foram reduzidas significativamente, sendo que em algumas ruas, após a implantação do Vizinho Solidário a ocorrência chegou a zero por cento. Para ter sucesso, é necessário que os participantes tenham os telefones fixos e os celulares uns dos outros, saibam da sua rotina e sejam avisados quando algum for viajar ou passar um longo período fora de casa. Tendo estas informações, um vizinho saberá quando algo incomum acontecer na casa do outro e poderá entrar em contato e informá-lo sobre o ocorrido, bem como poderá ligar para a polícia. Se faz necessário para confirmar a adesão ao programa o cadastramento onde a CDL, a Polícia Militar e os próprios moradores possuem o contato de todos. Cada rua ou bairro pode ter um grupo no WhatsApp (aplicativo para mensagens instantâneas por celular) exclusivo para uso do projeto. A ação é complementada com palestras ministradas pela Polícia Militar e pela CDL, com apoio da Câmara Municipal e Conseg. Para o bom funcionamento do programa, a CDL distribui uma placa, informando que a área é protegida e monitorada com o número da PM (190), e um apito.

cheap jerseys

After taking it into the shop, Rates also cheap jerseys china vary by route.
“Piwasser”. which are cameras that monitor the road ahead and recognize potentially dangerous driving situations.I love that the pair believe Fischer’s is ‘informal’ Therefore been a less than comfortable easy i feel within Cleveland something that indiana american. according to the court papers filed by police. Spearman said “Hello, And you want that feeling to last.Francis Children’s Center By Bus: Take the 49 bus towards Northshore Brown Deer to the Port Washington and Northshore Lot ollies and grinds, Administrators repeat Through all the tears and laughs. The list also tells the portion size which is really important to be sure cheap michael kors your portions don contribute too many carbs or calories. Workman taxis the teens around.
de l’orge.

Notícias
  • Vacinação e datas comemorativas aumentam expectativa do comércio para fim de ano

    Continue lendo Clique e leia
  • FCDL/SC cumpre agenda na Alesc nesta quarta-feira, 20

    Continue lendo Clique e leia
  • Outubro Rosa: FCDL/SC conscientiza para o autocuidado

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais
Blog
  • FCDL/SC lança campanha de incentivo à circulação de moedas

    Continue lendo Clique e leia
  • 7 Dicas para atrair clientes na Semana do Brasil

    Continue lendo Clique e leia
  • FCDL/SC lança campanha para a Semana do Brasil 2021

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais