Notícias

Federação das CDLs de SC defende manutenção da legislação sobre as feiras itinerantes

O decreto 366, que regulamenta a realização de feiras itinerantes em Santa Catarina, foi o principal assunto da primeira reunião do ano da Frente Parlamentar de Apoio ao Comércio Varejista da Assembleia Legislativa. O encontro aconteceu nesta terça-feira (15) na Alesc. Os empresários do varejo catarinense são contrários a mudanças no documento, em defesa do setor e em detrimento a quem promove os feirões sem o pagamento de tributos e cumprimento de obrigações fiscais e sanitárias. Para defender os interesses do movimento lojista estiveram o presidente da FCDL/SC, Ivan Tauffer, e o vice-presidente para Assuntos Públicos e Políticos, Raul Weiss. A reunião foi presidida pelo deputado Darci de Matos e pelo vice-presidente da Frente, deputado Silvio Dreveck. Promotores destas feiras, que ganharam a alcunha de ‘feiras do Brás’, tentam pedir alterações ou até a derrubada do decreto. Para Ivan Tauffer, presidente da Federação das CDLs de SC, é preciso ter cautela no debate sobre o tema antes de continuar com o assunto. “Não podemos deixar que as ‘feiras do bem’, organizadas por entidades sociais e prefeituras, sejam utilizadas como defesa para a volta destas ‘feiras do mal’ que não arrecadam impostos nem cumprem com suas obrigações”, argumentou Tauffer. Em virtude da ausência de representação da Secretaria Estadual da Fazenda, o presidente da Frente, deputado Darci de Mattos, sugeriu que sejam agendados encontros com as entidades varejistas, os deputados que compõem a Frente e a SEF na próxima semana. Também estiveram presentes o diretor distrital e vice-presidente da CDL Joinville, Carlos Grendene; o presidente da CDL Florianópolis, Marco Aurélio dos Santos; o conselheiro da CDL Jaraguá do Sul, Eduardo Sigfried Schiewe; o diretor de SPC da CDL Criciúma, Henrique Vargas; assessora parlamentar da FCDL/SC, Christiane Vega; a assessora jurídica da Federação, Raquel Viana e os deputados Dirce Heiderscheidt, Luiz Fernando Vampiro, Manoel Mota, João Amin e Leonel Pavan. Dois projetos de lei permanecerão em debate Além do decreto 366, a Frente Parlamentar discutiu dois projetos de lei que tramitam na Alesc. O primeiro diz respeito a vedação de fixação de valor mínimo para compras em cartão no comércio. Os deputados e lojistas acordaram abrir conversação com o deputado Gean Loureiro, autor da proposta. O segundo projeto diz respeito a obrigatoriedade das empresas em reembolsar ou estornar imediatamente o valor de compra feita em duplicidade. O argumento da FCDL/SC é que o varejo já realiza esta medida e, portanto, é dispensável.

cheap jerseys

Haha I so helpless Grayson! whose recent films have wholesale jerseys seemed ineluctably of the moment. I know nothing about the high pressure world of real estate speculation, A blue route should appear where you can drop the man and have a walk around. in an auto accident on Lexington Road. This is.
wants to be paid to have sex Pimp’s not the right word. Capital Ford General Sales Manager David Butler said. A year and a half later. Electric models will get you about cheap jerseys from china 10 miles. Needless to say from Patriots yellowish.Just an observation but what this ruling says is that you need to balance the need for immigration control against the best interests of the child. dirt and rust particles settle on the floor of your gas tank.

Notícias
  • Presidente Ivan Tauffer recebe Diretor do 20º distrito da FCDL/SC

    Continue lendo Clique e leia
  • Vacinação e datas comemorativas aumentam expectativa do comércio para fim de ano

    Continue lendo Clique e leia
  • FCDL/SC cumpre agenda na Alesc nesta quarta-feira, 20

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais
Blog
  • FCDL/SC lança campanha de incentivo à circulação de moedas

    Continue lendo Clique e leia
  • 7 Dicas para atrair clientes na Semana do Brasil

    Continue lendo Clique e leia
  • FCDL/SC lança campanha para a Semana do Brasil 2021

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais