Notícias

Inadimplência no comércio de SC registra queda, aponta FCDL

Em abril do ano passado, quando o Brasil vivia os primeiros dias da realidade de uma pandemia, 808 mil pessoas estavam com alguma restrição relativa à inadimplência anotada no SPC de Santa Catarina, o que representava 16,85% dos consumidores residentes no estado, ou seja, da população economicamente ativa.

 Em abril deste ano, este percentual caiu para 13,78%, segundo dados da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina (FCDL/SC). “Estes quase três pontos percentuais de queda podem parecer pouco, mas representam uma importante mudança no que diz respeito às dívidas dos catarinenses junto ao comércio local, mudança esta muito influenciada pela injeção de dinheiro na economia com saques de FGTS e auxílios emergenciais, que os catarinenses usaram em grande parte para quitar dívidas”, avalia Ivan Roberto Tauffer, presidente da entidade.

Outro fator que alterou o cenário da inadimplência foi o crescimento expressivo do e-commerce, no qual prevalece o pagamento por cartões de crédito. Atualmente são cerca de 696 mil devedores registrados por dívidas junto ao comércio local. O tíquete médio de dívidas é de R$ 1.758,63. A maior quantidade de devedores, 28,9%, está entre as pessoas com idade entre 26 e 35 anos. As pessoas com 56 anos ou mais são as que menos devem, com 11,6% dos registros.

Notícias
  • Novo Diretor Distrital da FCDL/SC é empossado

    Continue lendo Clique e leia
  • Alta dos juros preocupa setor empresarial catarinense

    Continue lendo Clique e leia
  • Ivan Tauffer em jantar pré-evento do Startup Summit

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais
Blog
  • Você sabe o que é e como funciona a criptografia?

    Continue lendo Clique e leia
  • Dia Livre de Impostos acontece dia 02 de junho em todo o país

    Continue lendo Clique e leia
  • FCDL/SC: Raul Weiss deixa legado essencial ao empreendedorismo catarinense 

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais