Notícias

Reunião na Alesc discute insegurança em rodovias

Presidente da FCDL/SC, Ivan Tauffer, fala a respeito da insegurança dos lojistas em rodovias

As constantes perdas do varejo diante dos assaltos a ônibus fretados que transportam lojistas para compras, principalmente em viagens a São Paulo, levaram entidades, políticos, Polícia Rodoviária Federal (PRF) e outros órgãos a discutirem o tema na segunda-feira, 1º de julho, na Assembleia Legislativa. A reunião extraordinária da Comissão de Transportes de Desenvolvimento Urbano da Alesc, conduzida pelo deputado estadual João Amin (PP) e proposta por Valmir Dagostim (PP), presidente da Câmara de Vereadores de Criciúma, procurou uma união inédita entre poder público, entidades representantes do varejo e transporte turístico e fretamento.

“Os lojistas estão amedrontados. Os assaltos são muito violentos, ocorrem em rodovias logo após a saída do estado, em sua maioria no Paraná, e o resultado é o fechamento de empresas, desemprego e agravamento da crise do setor, já combalido diante da economia não favorável”, relatou Ivan Tauffer, Presidente da Federação das CDLs de Santa Catarina (FCDL/SC).

Para Andréia Gazola, presidente da CDL Criciúma, quem mais perde é o varejo catarinense. “No sul do estado a situação é gravíssima. Precisamos de união para estancar este problema que atinge a todos, não somente o comércio”, disse. Da mesma forma, José Manoel Ramos, presidente da CDL de Joinville, solicitou atenção da PRF e outros órgãos de segurança diante das constantes ocorrências. “Acreditamos que o trabalho em conjunto contribuirá”, sugeriu.

Como encaminhamento da discussão, será produzido um documento a ser apresentado ao Fórum Parlamentar Catarinense, em Brasília. “A partir daí, uma união com os fóruns do Paraná e São Paulo poderão estabelecer cruzamentos de informações e ações integradas”, informou a deputada federal Ângela Amin (PP), também presente à reunião.

José Marciel Neis, presidente da Associação das Empresas de Transporte Turístico e Fretamento de Santa Catarina (AETTUSC), alertou para perdas não somente aos lojistas, mas também ao turismo e a sobrevivência do setor. “Nossos negócios sofreram perdas de 40% diante do medo de viajar”, alertou.

Notícias
  • FCDL/SC cumpre agenda na Alesc nesta quarta-feira, 20

    Continue lendo Clique e leia
  • Outubro Rosa: FCDL/SC conscientiza para o autocuidado

    Continue lendo Clique e leia
  • FCDL/SC busca esclarecimento sobre ITCMD com a Fazenda

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais
Blog
  • FCDL/SC lança campanha de incentivo à circulação de moedas

    Continue lendo Clique e leia
  • 7 Dicas para atrair clientes na Semana do Brasil

    Continue lendo Clique e leia
  • FCDL/SC lança campanha para a Semana do Brasil 2021

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais