Páscoa Saiba mais

Institucional

Bem-vindo Saiba mais

Notícias

Fique por dentro Saiba mais

Soluções

Veja nossos produtos Saiba mais

Comunicação

Semana Lojista
  • Convidados integram reunião da diretoria da CDL Lages

    Continue lendo
    Clique e leia
  • Conselheira da FCDL/SC assume presidência da CDL Mafra

    Continue lendo Clique e leia
  • Líderes da CDL Tangará em reunião mensal

    Continue lendo Clique e leia
  • Diretoras da CDL Água Doce em evento do Dia da Mulher

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais
Notícias
  • Infraestrutura e mobilidade pontuam reunião da Região Metropolitana de Florianópolis

    Continue lendo
    Clique e leia
  • CDL Balneário Camboriú promove curso de inglês

    Continue lendo Clique e leia
  • Vereador Milton Barcelos visita CDL Florianópolis

    Continue lendo Clique e leia
  • CDL Joinville sediará curso de atendimento a pessoas com necessidades especiais

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais
Blog
  • FCDL recebe pré-auditoria e fase I da ISO 27001

    Continue lendo
    Clique e leia
  • Como investir o dinheiro da conta inativa do FGTS

    Continue lendo Clique e leia
  • FCDL/SC inicia ciclo de Reuniões de Regiões Metropolitanas

    Continue lendo Clique e leia
  • Conheça a disrupção e como ela abala o mercado

    Continue lendo Clique e leia
Veja mais
Mensagem do presidente

Boas Novas, enfim!

Nestes tempos de sucessivas más notícias na economia qualquer suspiro de boa nova merece ser comemorado. A semana termina com o indicador de criação de empregos formais – acima de 35 mil em fevereiro, segundo o Ministério do Trabalho, e pela primeira vez superou as demissões, desde março de 2015. Diante de uma massa de 12 milhões de desempregados, as novas vagas parecem excessivamente tímidas. Para o varejo trata-se de uma excelente referência, principalmente porque, combinada com a liberação do FGTS – cerca de R$ 2,2 bilhões no estado – permitirá que as famílias saldem as suas dívidas e recuperam a renda mensal, retornando ao mercado de consumo. Também recebemos com muita satisfação a notícia do leilão do aeroporto Hercílio Luz, em Florianópolis. É a porta internacional do estado, mas constava como o segundo pior entre as capitais do país. Em muitas cidades há terminais rodoviários mais modernos. As poucas obras em andamento se arrastavam há anos, sem quaisquer expectativas de conclusão. Arrematado por um grupo suíço que tem esse negócio como sua especialidade, temos agora a perspectiva clara de evolução, sabendo o quê, quando e quanto. Mais do que isso, o leilão da última quinta-feira (16) também representou uma aposta de grandes grupos internacionais – e eles só o fazem mediante segurança jurídica, ou seja, precisam da garantia de que os contratos serão honrados, entre outros aspectos. E isso melhora nossa avaliação de risco, o que atrai outros investidores, que geram negócios e empregos. O suspiro que comemoramos está longe do vento forte (e de popa) que precisamos para inflar as velas da economia. Porém, já não andamos para trás, nem estamos parados e isso é muito bom.

Continue lendo